QUANDO VOCE ME APARECEU – Alice Ruiz

Quando você me apareceu

Foi como se uma profecia

Se cumprisse

Como se minha utopia

Realmente existisse

Tudo ficou cintilante

Com brilho de purpurina

E aconchego de lamé

Tudo o que eu dizia

Parecia uma alegoria de você

Mas descobri que você

Não nasceu pra ser

O meu traje de gala,

Nem meu prêt à porter

Não dá prum esporte fino,

Um modelito soierie

 Fora isso,

Pode escolher a categoria

Luxo ou originalidade

Na realidade é teu

O prêmio máximo

No quesito

Fantasia

Anúncios
Esse post foi publicado em Poemas e Poesias. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para QUANDO VOCE ME APARECEU – Alice Ruiz

  1. tejo disse:

    Ótimo versos, de Alice Ruiz, mulher de outro grande, Leminski 🙂

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s