OUTRA PESSOA – Fernando Pessoa

23 11 2009

 

Como é por dentro outra pessoa
Quem é que o saberá sonhar?
A alma de outrem é outro universo
Com que não há comunicação possível,
Com que não há verdadeiro entendimento.

 

Nada sabemos da alma
Senão da nossa;
As dos outros são olhares,
São gestos, são palavras,
Com a suposição de qualquer semelhança
No fundo

 

 

 

Anúncios

Ações

Information

2 responses

23 11 2009
tejo

E ninguém melhor que Fernando Pessoa, com seus heterônimos, para falar do “outro”. Como ele próprio disse, “o poeta é um fingidor”- finge, inclusive, ser “outra pessoa”.

23 11 2009
Palavras Rabiscadas

Penso que ser “fingidor” ‘não’ seria no sentido de ser mentiroso, mas sim de ser fantasioso, inventa, mas com sinceridade. Cria um personagem no seu palco de ilusões, e passa a acreditar na sua criação.

Será o poeta um lúcido louco? Talvez seja um grande covarde, foge de sua realidade, do seu presente, e prefere às utopias.

Geralmente vive um amor platônico, idealizado, jamais realizado, um amor inalcançável. Constrói seu castelinho de areia (areia sim, logo a onda leva), e se refugia nele, pensando ali ser seu abrigo.

“ (…) chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente” (Fernando Pessoa)

O poeta sente amor, sente dor, mas a intensifica em suas poesias, dá uma dimensão maior a elas, usa as palavras como um antídoto para seu sofrimento, ou como alimento para seu amor, uma forma de sustentar sua ilusão!

“A poesia pode ser veneno para o poeta, como também pode ser a cura”

Eu busco nela a cura.

Abraços…

Marli

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: