Quarto Escuro

 

 QUARTO ESCURO

Tenho medo de viver no vazio da razão,
Enquanto existe um transbordar de emoção.

Tenho medo de aceitar o meu destino,
Pela incerteza de que posso fazer algo por ele.

Tenho medo do tempo varrido sem propósito,
Levado de mim, sem eu saber como contê-lo.

Tenho medo de ser sufocada pelo nada,
Ao passo que a  monotonia, por mim, não reage.

Tenho medo de que a tua vida seja apanhada,
Já que desde então: eu sou, tu és, nós somos.

Tenho medo das incertezas sem sentido,
Pois nunca sei e nem encontro meios de saber.

Tenho medo da culpa de tudo isso e de mais.
É sim, medos e medos que me entorpecem.

Marli Savelli

Anúncios
Esse post foi publicado em Meus Rabiscos e marcado . Guardar link permanente.

Uma resposta para Quarto Escuro

  1. Pingback: Quarto Escuro « Aquario Literario

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s