ESTUPOR – Paulo Leminski

Esse súbito não ter

Esse estúpido querer

Que me leva a duvidar

Quando eu devia crer

Esse sentir-se cair

Quando nao existe lugar

Aonde  se possa ir

Esse pegar ou largar

Essa poesia vulgar

Que não me deixa mentir

Anúncios
Esse post foi publicado em Poemas e Poesias e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s