22 de Janeiro

 

22 De JANEIRO 

Minhas águas chegaram em janeiro.
Fui lançada no rio à deriva!…
__ Fugitiva de onde eu vim à vida?

Algo, alguém me espera do outro lado.
Não sei o quê, nem quem!?
Está além das curvas escondidas…

Atravesso pelo pântano,
olho para os céus,
mando mensagem via pássaros:-

 “Hoje, estou me sentindo como se 
contra a maré remasse!…
Você me deixou aqui sozinha!?
Estou cansada,
sem fôlego e com fome.
Perdi a fluidez nestas águas paradas.
Será que meu fim está próximo?”

Marli Savelli

Anúncios
Esse post foi publicado em Meus Rabiscos e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s