DESTINO – José Saramago

Afinal, há é que ter paciência, 
dar tempo ao tempo, 
já devíamos ter aprendido,
e de uma vez para sempre, 
que o destino tem de fazer 
muitos rodeios para chegar 
a qualquer parte.

José Saramago

Anúncios
Esse post foi publicado em Poemas e Poesias e marcado . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s