A Minha Essência

frutos-do-espirito

A MINHA ESSÊNCIA

Junto os meus cacos
e desço
a casa do oleiro
para que tuas águas
amoleçam
e modelem
conforme o teu querer

“__ Que mãos te destruíram?…

Ergue-me
para que te sirva –
só que não vazia,
semeie, pois, o
fruto do Espírito
Regue-me
e frutos dará!

“__ Que mãos te levantaram?…”

Marli Savelli

Anúncios
Esse post foi publicado em Poema e Poesia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s