Um Conforto

305210

UM CONFORTO

Quando viemos ao mundo
– choramos
E somos recebidos com sorrisos
Ah, que dia!
E quando partimos penso que
devemos
– sorrir,  cantar
Não quem fica [a lamentar]
quem vai.
Ah, quanto tempo!

Marli Savelli

“Para tudo há um tempo, para cada coisa há um momento debaixo dos céus: tempo para nascer, e tempo para morrer; tempo para plantar, e tempo para arrancar o que foi plantado; tempo para matar, e tempo para sarar; tempo para demolir, e tempo para construir; tempo para chorar, e tempo para rir; tempo para gemer, e tempo para dançar” […] – Eclesiastes 3:1-4

 

Anúncios
Esse post foi publicado em Poema e Poesia. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s