Arquivo da categoria: Língua Portuguesa

Dicas de Língua Portuguesa

Dicas de Língua Portuguesa

1 2 . 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 20 21 22  

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 1 Comentário

Micos de Linguagem

  Micos de grafia EQUÍVOCO CORREÇÃO Advinhar Adivinhar Ascenção Ascensão Apropiado Apropriado Beneficiente Beneficente Distoar Destoar Excessão Exceção Encapuçado Encapuzado Frustado Frustrado Flagrância Fragrância Impecilho Empecilho Paralizar Paralisar Pertubar Perturbar Previlégio Privilégio Xuxu Chuchu   Micos de concordância e regência … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Marcado com | 3 Comentários

Nossa Língua Portuguesa

  NOSSA LÍNGUA  PORTUGUESA > Custas só se usa na linguagem jurídica para designar despesas feitas no processo. Portanto, devemos dizer: “O filho vive à custa do pai”. No singular. > Não existe a expressão à medida em que. Ou … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Marcado com | 3 Comentários

EQUIVOCADO x CORRETO

Alguns dos mais frequentes equívocos da comunicação HAVER e FAZER Os verbos “haver” e “fazer” são responsáveis por muitos erros. No sentido de “existir” e “ocorrer”, ambos são impessoais, ou seja, não devem ser flexionados quando empregados para indicar tempo … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 2 Comentários

“INGUINORANSSA”

  Quem nunca cometeu/comete algumas dessas “inguinoranssa”, de vez em quando, heim? Achei interessante, veja:   AMIGO PESSOAL Só existe amigo pessoal. Ainda não inventaram o amigo “impessoal”. Se não for amigo mesmo (pessoal), chame de colega, cliente, fã, parente, … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 7 Comentários

O PODER DA VÍRGULA

A vírgula pode ser uma pausa… ou não. Não, espere. Não espere. Ela pode sumir com seu dinheiro. 23,4. 2,34. Pode ser autoritária. Aceito, obrigado. Aceito obrigado. Pode criar heróis. Isso só, ele resolve. Isso só ele resolve. E vilões. … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 5 Comentários

OS 100 ERROS MAIS COMUNS DE LÍNGUA PORTUGUESA

Erros gramaticais e ortográficos devem ser evitados , veja os mais comuns:  1 – “Mal cheiro”, “mau-humorado”. Mal opõe-se a bem e mau, a bom. Assim: mau cheiro (bom cheiro), mal-humorado (bem-humorado). Igualmente: mau humor, mal-intencionado, mau jeito, mal-estar. 2 … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 20 Comentários

AMBIGUIDADE

Em termos gerais, a palavra ambiguidade traduz a ocorrência de mais do que um sentido em palavras, frases, proposições ou textos. Alguns exemplos: 1. O cadáver foi encontrado perto do banco. – Não sabemos se o cadáver foi encontrado perto … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 4 Comentários

FIGURAS DE SINTAXE

Quando escrevemos, buscamos maneiras de exprimir nosso pensamento. Para tanto, utilizamos diferentes recursos, dentre eles, as figuras de sintaxe, ou seja, diferentes formas de se construir as frases: Pleonasmo: superabundância de palavras para enunciar uma ideia: a) quando se procura … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Deixe um comentário

INTERTEXTUALIDADE

A expressão intertextualidade se refere, basicamente, à influência de um texto sobre outro. Na verdade, em diferentes graus, todo texto é um intertexto, pois, ao escrever, estabelecemos um diálogo – às vezes inconsciente, às vezes não – com tudo o … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Deixe um comentário

VÍRGULA ANTES DE “MAS”

  Da Folha de S. Paulo   Vírgula antes de “mas” “A estratégia foi revista mas (!) os benefícios ainda são pequenos.” “A estratégia foi revista, mas os benefícios ainda são pequenos.” Sempre há vírgula antes de mas quando essa … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Deixe um comentário

CATACRESE É ESPÉCIE DE METÁFORA OBRIGATÓRIA

  Engavetar é pôr em gaveta, envasar é pôr em vaso, encaixar é pôr em caixa, engarrafar é pôr em garrafa. Muitas vezes, porém, usa-se o verbo encaixar para dizer que uma coisa pode ser intercalada entre outras ou cabe … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | 2 Comentários

CONCORDÂNCIA NOMINAL

Equívocos de concordância nominal prejudicam a clareza e a leitura de um texto. Dos casos mais simples aos mais complexos, o professor Pasquale mostra como escrever e falar corretamente respeitando as regras gramaticais do idioma no volume “Concordância Nominal” da … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Deixe um comentário

VIRGULA – quando usar, ou não

OS PRINCIPAIS CASOS DE USO DA VÍRGULA Vírgula proibida Exemplo Entre sujeito e predicado ou entre predicado e sujeito O ministro das Relações Exteriores da França está em Brasília/ Está em Brasília o ministro das Relações Exteriores da França. Entre … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Língua Portuguesa | Deixe um comentário