Arquivo da tag: Gregorio de Matos

A UMAS SAUDADES – Gregório de Matos

Parti, coração, parti, navegai sem vos deter, ide-vos, minhas saudades a meu amor socorrer. Em o mar do meu tormento em que padecer me vejo já que amante me desejo navegue o meu pensamento: meus suspiros, formai vento, com que … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Poemas e Poesias | Marcado com | 1 Comentário