Arquivo da tag: Poema; Poesia

Aviso

AVISO  Se me quiseres amar, terá de ser agora: depois estarei cansada. Minha vida foi feita de parceria com a morte: pertenço um pouco a cada uma, pra mim sobrou quase nada. Ponho a máscara do dia, um rosto cômodo … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Poemas e Poesias | Marcado com , , | Deixe um comentário

Velhice Não, Vintage!

  VELHICE NÃO, VINTAGE! Ideal de beleza Na revista, tendência da moda Desfile de poemas fashions Anorexia, Bulimia, Tudo diet, light Glamour!… Alma de tecido Linha tecendo versos em fios Cortes profundos no ser. Na passarela, Tropeça na autenticidade Logotipos, … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | Deixe um comentário

Pássaro na Selva

PÁSSARO NA SELVA Mata densa limita a visão. Voa perdida. Asas afiadas, foice no dedo. Cólera reprimida. Olha para os céus, grita por Águia! Segue indefinida. Arma-se,  atira, explode. Chora escondida. Morde o veneno do escorpião. Vale a ferida. No matagal risca … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Eu, 34 Anos

EU, 34 ANOS Minha vida (tum, tum, tum) O relógio (tic-tac , tic-tac) As batidas do meu coração aos passos do tempo. Ele caminha mais rápido que eu. Não o decifro, aos poucos, me devora. Tic Tac… Tum Tum Tic Tac Tic …Tum … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 4 Comentários

Echarpe Vermelha

ECHARPE VERMELHA Ela passeia por ruas escuras.   Vermelha echarpe na cabeça reluz.  Nos lábios, batom carmim.   Nas unhas, um dos sete   vermelhos capitais.  Anda com pensamento distante,   destino afora.   À espreita, um lobo, olhar em brasa,   penetra no … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Caça ao Tesouro

CAÇA AO TESOURO A vida se dilui na efemeridade. Todos nós, um “Zé Ninguém”. Seja mendigo, príncipe, ou sei lá quem. O mapa dourado segue… Em busca, no labirinto, persegue, dobra as esquinas, os muros. Às pressas… o futuro. Voam … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 4 Comentários

Sol Brasileiro

  SOL BRASILEIRO  Caminhando ao sol, um fogo escaldante. Ferve o chão de brasa coberto. Árvore ou abrigo – nada – fulminante. Nem sequer uma sombra… deserto.  Estou cansada, a terra esbofeteia. Tenho sede… só faz poeira. À frente um … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

A Vida No Parque

A VIDA NO PARQUE Vida lúdica, um parque de ilusões. Mistura de diversão, fantasia e medo. Estamos nele ou ele em nós? Roda Gigante, Montanha Russa, Gangorra, (altos e baixos) Jogos, (derrotas e vitórias) Bumerangue, (o que se lança, volta … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

A Chave de Casa

  A CHAVE DE CASA Vai,  pode ir. Eu abro a porta para você sair, vou te deixar partir… Não importa que rumo tomarás, à procura de quem irás… Vai,  pode ir. Sai em busca de liberdade! Não olhe para … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Ser Ser Humano

SER SER HUMANO  Na mão do criador – a criatura – Finito no infinito.  O nada no tudo.  Seres de contradições: Lúcido e insano Sábio e estúpido Anjo e demônio Humilde e arrogante Mentira na verdade Razão e emoção Realidade … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Cindy

CINDY O par perfeito é o de tamanho ideal, e que faça o seu estilo. O número exato e Cinderela serás! O bom par não fica pequeno, ainda que belo, não é bom usar, o muito justo é desconfortável. – … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 3 Comentários

Último Espetáculo

ÚLTIMO ESPETÁCULO No palco, o protagonista.  Na platéia, figurantes:  ah! ah! ah! ah! Papel ridículo. Limpa a maquiagem, rasga a fantasia. – o palhaço –  Que cômico assistir às cenas gravadas. Gozo na boca do auditório: gargalhadas de espumas. Riram… … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Sem Mais Sem Menos

SEM MAIS SEM MENOS  Hoje eu te digo sim. Amanhã – não –  O posicionamento de hoje, o oposto de amanhã… Hoje eu estou feliz. Amanhã – triste –  Aproxime-se de mim hoje, se afaste amanhã…  Hoje quero, desejo, espero. … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Aos Gigantes da Literatura

AOS GIGANTES DA LITERATURA                                                                      Um minuto de silêncio. Monstro Sagrado ao som da lira, revela nos teus cantos meu anseio. Boca que morde e suspira, me lê a cada página que folheio.  Soluço contigo nos teus delírios. No cárcere da garganta … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 2 Comentários

Brindamos o Amor

BRINDAMOS O AMOR Nos lábios, o sabor da fruta abençoada. Diluído na taça,  sangue rubro. Correm nas veias – goles de amor –  da seiva, aos tragos, embriagada.   A – barman – vida,   sempre ao dispor.   O cálice nunca deixa … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Meus Versos

MEUS VERSOS  Sei lá. Meus versos. Não ouço os gemidos. -Calados- Vamos, Palavras: Chorem minha tristeza; Sorriem  minha alegria! -Ensurdecedor- O grito que não sai. Meus versos. Sei lá. Marli Savelli 

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Existência

EXISTÊNCIA  O que é mais importante, a veste ou o corpo? Há corpo com ou sem veste. Não há razão para a veste sem o corpo.  O que é mais importante, o chapéu ou a cabeça? Há cabeça com ou … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Quarto Escuro

   QUARTO ESCURO Tenho medo de viver no vazio da razão, Enquanto existe um transbordar de emoção. Tenho medo de aceitar o meu destino, Pela incerteza de que posso fazer algo por ele. Tenho medo do tempo varrido sem propósito, … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

(Sub)missão

  (SUB) MISSÃO O novo torna-se velho, tudo muda Presos no condicionamento, a liberdade surda-muda?… Declaro-te culpado por ser você mesmo Prisão perpétua ou pena de morte?… Debaixo de regras e preconceitos, o que se espera do homem?… Robôs programados, … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Ateliê

  ATELIÊ Com a razão vendada na primavera, o artista desliza sonhos de amor. Sobre a tela sua encantada quimera. No pincel, nuance multicor. Um facho de luz na vidraça, traz um pouco de visão na pupila. A clareza sem … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 2 Comentários

Desnudez

DESNUDEZ  No silenciar das horas nuas, envolto ao desejo que inflama, à decepção que fere, crua. Ao amor que inspira, à saudade que moldura. Submersa na aflição, no regozijo, na ternura Despida de mim, acaricio minha alma, faço pintura do restou de … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 3 Comentários

Redenção

  REDENÇÃO A crucificação ligou os dois mundos C TERRESTRE L E S T E  A natureza chorou. O sol se fez luto. A terra, em soluços, tremeu. O vento gemeu. De madrugada, no terceiro dia, o pranto cessou. A paz … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Nas Asas do Vento

  NAS ASAS DO VENTO Céu azul, linda paisagem. Eu entregue ao vento. Vivia além terra, momento entre as nuvens. A ilusão turvia meus olhos, estava deslumbrada. Quando, de repente, uma súbita corrente de ar abriu a porta da fantasia … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

O Segredo

O SEGREDO Altas horas, o sono não vem. Meu pensamento a vagar pelo paraíso secreto do imaginário como um fantasma solitário. Encontro um mascarado que seduz minha razão, tira-me da solidão, faz bater forte o coração. Arranco sua  m   á  s  … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Astronauta de Deus

ASTRONAUTA DE DEUS A bordo, Senhor, de encontro aos que tramam contra mim, que perseguem os meus voos, e buscam tirar o meu céu. Dissipa-os como fumaça no tempo sideral. Sou como um grão de areia na praia,   uma gota … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Pedaço de Chocolate

  PEDAÇO DE CHOCOLATE Sirva-se de um dos néctares. Digo, não só um, mas Um a Um Não dá pra ficar no jejum. Cacau fino pode agradar. Nobre sabor ao paladar. Avelãs, Nozes, Amêndoas… Esqueça a balança, entre na dança. … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

A Teus Pés

A TEUS PÉS                         No gramado da vida, você escalado.           É como a arte do futebol, igualmente.                 Hora de driblar… passar a bola.    Quem diz contentar-se em só disputar, mente.         Todos querem vencer, superar barreiras                       de maneira … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Não Querer Mais Que Bem Querer

NAÕ QUERER MAIS QUE BEM QUERER Sobe a noite, desce o dia. Eu o amo! Eu o odeio! Somos tão iguais e diferentes Você me deixa forte, mas depois me enfraquece A tua ausência me causa um vazio, a presença … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Gracejo

GRACEJO Fecho os olhos, assim te vejo. Admiro os céus, ali o seu lampejo. Em sonhos, suspirar sem pejo. Ouvir no coração, as batidas em festejo. Cantar meu afeto, nas notas de solfejo. Embalar versos, ao som do arpejo. Esta … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

in-Veja

IN-VEJA Enquanto está a procura de sua estrela, Um dos pecados capitais aprecia. Para alcançar faça por merecê-la. Não se empenhe na maldade, repudia. Prisioneiro atroz, busque a liberdade. Contra mal olhado… escudo espelhado. Calar-me? Não busco celebridade. Tua criação acha-se … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Dormindo com a Solidão

DORMINDO COM A SOLIDÃO Abraço a solidão enquanto a chuva cai sobre a terra sedenta. É bom ouvir o seu gotejar. Todos se retiram, se escondem. Até mesmo a lua e as estrelas foram dormir ao som de cada pingo … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Obsessão

OBSESSÃO Vou sair da sua estrada, Partir em outra caminhada. Estou colocando um fim, Mas você não sai de mim. Sentimentos vêm e vão. Só pode ser obsessão. Eu digo não e não, Mas é tudo em vão. Eu oro … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Cardápio Intelectual

CARDÁPIO INTELECTUAL Uma seara, a cultura. O alimento do conhecimento, sustento para o crescimento. O pão que nutre a mente, sacia a fome, prazerosamente. Fast-food virtual, tão acessível literatura digital. Evite os indigestos, esvaecem os nobres gestos. Idéia que não … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

O Banquete

O BANQUETE No banquete de prazeres um suave licor. A boca de leve a tocar, sorver, beijar. Iguarias a degustar, o vinho, seu sabor. No deleite, as delícias do paladar. Embriagados pelo cálice, a delirar. Lábios aromatizados buscam teu fulgor. … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Do Céu ao Chão

  DO CÉU AO CHÃO Nem sempre descer a escada denota derrota, se pensada, em alguns casos, é segurança. Difícil é descer com elegância. De salto alto, com equilíbrio, Exige postura, controle, domínio. Do sonho à realidade, um desafio. É possível, por … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Berço para o Sonho

BERÇO PARA O SONHO Lençóis desarrumados Viro de de um     lado                    para              outro       Eu me deito                           L    TIC                  e                TAC     v     TIC                 a                TAC     n                           t      Logo  eu deit o  Tenho sono, … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Antes Que Seja Tarde

  ANTES QUE SEJA TARDE Pensa, enquanto tua razão ainda permite. Veja, enquanto teus olhos ainda podem enxergar. Domina, enquanto teu equilíbrio ainda tem governo. Analisa, enquanto teu raciocínio ainda tem juízo. É o amor que decapita a filosofia. É … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Dualidade

DUALIDADE   Há amigos para todas as horas. Há amigos só para as horas boas. Há perguntas e respostas. Há perguntas sem respostas. Há pessoas que passam e marcam. Há pessoas que apenas passam. Há caminhos em que se vai e … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Você

  VOCÊ  Em todos os lugares vejo você. Aqui, ali, lá, acolá. No rosto de João, nas palavras de Maria. Na Maria João, e nas formas de João Maria. Não sei como e quando, em toda a parte… [dentro de … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Co(i)nspiração

CO(I)NSPIRAÇÃO Eu, Sem paixão, sem ilusão, nem decepção. Sem ardor, nem dor. Os versos fogem. As palavras voam. Será conspiração da inspiração? Elas vêm, ……………… elas vão, ….. elas vêm, …………………… elas vão Agita as tuas asas e vem! Minha … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Um Dia Depois Do Outro

UM DIA DEPOIS DO OUTRO Ontem, eu fui para a direita,  você para a esquerda. Hoje, a possibilidade de atarmos  as mãos é nula. Amanhã? Se a estrada for circular… quem há de saber?  Marli Savelli

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 2 Comentários

Desabitada

DESABITADA Vivo à noite o meu dia. Meu dia, uma escuridão. Lá fora, Verão. Aqui dentro, Inverno. Não há sol nem lua. Minha vista escureceu. É cedo ou tarde? Não vejo nada e ninguém. Nem mesmo um pássaro voa. Não sei o … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Carícias do Mar

CARÍCIAS DO MAR  Beijo o mar Enquanto o vai e vem das ondas Envolve o meu corpo E me deixa molhada. Sinto sabor de água fresca A deslizar nos meus lábios E gotas salpicadas de desejos A rolar na minha … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Po[e]mar

PO[E]MAR Você não é poeta, és Pomar. De ti vêm meus poemas, Po[e]mar. Tornei-me poetisa por te amar. Árvore frutífera, minha fonte. Frutos resgato de ti no alvorecer, como este agora no horizonte, suculentos a me prover. Palavras lança suavemente… … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Mistério

MISTÉRIO Céu cinzento a luz do entardecer. Li em teu olhar a melancolia de uma vida sem cor. Sorri com os lábios, mas o coração é triste. Cicatrizes, dor, medo? Vi  algo a ser desvendado em você. Teu segredo, qual … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

À Deriva

À DERIVA O mar está me levando. E eu não sei nadar. As ondas me são adversas, chegam a espumar. Minha alma submersa,         me faz sentir medo. Ouço o som que vem do fundo, não conheço seu segredo. O que guardas … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Liberta de Ti

LIBERTA DE TI Anjo que passeava em meu sonho, Nosso amor jaz adormecido, sepultado. O encanto, na lembrança, embalado. A ilusão rasguei num poema tristonho. Foste embora causando tempestade. Ao som da chuva, banhado, consolado. Retorna como brisa no céu … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Sorriso da Manhã

SORRISO DA MANHÃ Hoje a alegria bateu na minha janela. A manhã sorria à minha espera. Retribuí exuberante, como a vida é bela! Prendi-a nos braços, nada de tristeza. Ah… o dia! Um requinte de beleza. Mandei um beijo para … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 3 Comentários

Imortais

IMORTAIS Apaga-se as luzes do céu. Um anjo-mulher cobre-se com véu. Agita suas asas de luz, e desce com sua cruz. Noite negra e adormecida. Escuridão de uma cidade esquecida. Unindo o coração frio e a treva Caminha um vampiro … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Um Sopro

  UM SOPRO Existência humana, efêmero presente. Nada é constante, tudo se vai apressado, abreviado. Voa! Move-se continuamente, gradualmente. Infancia, Juventude, Meia Idade, Velhice. Um sopro. Marli Savelli (De’Lírios)

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 4 Comentários

Suspiros do Silêncio

SUSPIROS DO SILÊNCIO Nas horas silenciosas feitas de suspiros e sonhos, desejos se revelam risonhos em palavras misteriosas. Noite calada e deserta, um afago de mãos que acarinham, Estrelas pousam nas linhas, a língua muda desperta!… Uma voz clama por … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Coração de Cristal

  CORAÇÃO DE CRISTAL Servi-te amor no meu coração transparente e cristalino. Nas tuas mãos, não bate, estala ao…                                      A                                               T                                                 I                                                     R                                                         Á                                                             –                                                                L … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , | 1 Comentário

Silêncio

SILÊNCIO Enquanto escrevo Silencio ouço o suspiro do vento trazendo saudade. Amor, por que do calar? O que me diz o teu silencio? Não entendo essa linguagem. Nem sequer uma palavra. Nesta pausa feita em verso Fito os olhos no cúmplice luar. … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Lobo Solitário

LOBO SOLITÁRIO Noite de lua cheia. A magia vagueia. Lobo solitário a uivar, Para o desejo saciar. Noite misteriosa. Sedução perigosa. Entre pranto e gemido, Ouço o canto sofrido. Noite que aflora a emoção. Torna à vida a paixão. Renasce a … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Corça

CORÇA O deserto é nuvem sem água! – Ausência de tudo – Voz da alma no silêncio que nos aproxima de Deus… Corça sedenta a farejar na areia a fonte de vida: “Minh’alma tem sede de Ti…” ((( Jorra do … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com , , | 1 Comentário

Não Sou Poetisa

NÃO SOU POETISA  Não sou poetisa, só tentei a alma libertar. Não tenho versos, partiram em outra missão. Não foram sós, levaram também a ilusão. Não sei o que pensar, deixa o tempo passar. Não há mais delírio, foi-se com a … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Você, Meu Leitor

VOCÊ, MEU LEITOR Você, o único a ler o misterioso livro do meu ser.   No silencio observa mudo  o apelo feito num grito agudo  ( palavras escritas   de vozes não ditas)  Letras na mente   florescem surdamente   nas páginas ausentes.  Com … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Mergulho Literário

MERGULHO LITERÁRIO Vem mergulhar no meu aquário, Contemple a pintura, é poema diário. Vem arranhar o viveiro literário. Não traga dicionário, sem vocabulário. Vem… Esqueça o calendário. Seja voluntário, o resto é desnecessário. Vem para o mundo imaginário. Ilumine os meus olhos, enfeite … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | Deixe um comentário

A Equilibrista

A EQUILIBRISTA A travessia feita no fio tênue De um lado a razão… A emoção do outro. Atraída pelo abismo balança Nas nuvens fantasia… Realidade na terra. A alma segue dividida, vibra… Desequilíbrio, quedas e recaídas A equilibrista avança… Altos … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Um Tempo

 UM TEMPO O sol se esconde, encerra o dia. Vem a noite, a lua brilha. A Minguante e distante dá lugar à Crescente no alto do horizonte. Lá se vai a primavera… Chega outra estação que tanto espera. Há um … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Alice no Espelho

ALICE NO ESPELHO Alice dentro do espelho, menina. Passeia no jardim da fantasia. Alice frente ao espelho, mulher. Pintando sentimento em poesia. Alice dentro do espelho, menina. Cantiga de roda, pula amarelinha. Alice frente ao espelho, mulher. Canção poética, letras e … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário