Arquivo da tag: Prosa Poética

Vestes Despidas

VESTES DESPIDAS ……………….Era uma tarde quando me aconteceu um assalto. As pessoas iam de um lado para outro, fui arrastada juntamente com elas. Por um momento pensava estar correndo grande perigo, mas logo percebi que os ladrões eram bonzinhos. Ao meu … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Poesia Para Minha Alma

          POESIA PARA MINHA ALMA      Saí de manhã a vagar pelas ruas das letras com a intenção de encontrar algumas poesias que pudesse vestir a minha alma, e assim protegê-la do terrível inverno que fazia.      Um luxo o … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário

Lúcida Loucura

LÚCIDA LOUCURA Durmo tarde, acordo cedo. Durmo cedo, acordo tarde. Durmo à tarde, durmo cedo e acordo tarde. O sono me embala como ama, difícil é sair cedo da cama. Essa noite foi diferente, dormi pouco, o pensamento bradava rouco. … Continuar lendo

Avalie isto:

Publicado em Meus Rabiscos | Marcado com | 1 Comentário